Aumento do combustível x Carros elétricos

04 de setembro de 2017

Começou a valer na sexta-feira 21 de Julho o decreto do presidente Michel Temer, que determina o aumento da tributação sobre o combustível.

 
O decreto tem como objetivo aumentar a arrecadação da União para amenizar o déficit fiscal e cumprir a meta de 2017, fixada em uma despesa negativa de R$ 139 bilhões.
 
O reajuste da PIS/Cofins sobre a gasolina passou a custar aos motoristas até R$0,89 a mais para cada litro se levada em consideração também a incidência da Cide, que é de R$ 0,10 por litro. O diesel aumentou em R$ 0,46 por litro e o etanol ficou R$ 0,20 mais caro para o consumidor. Com isso o governo espera arrecadar uma receita R$ 10,4 bilhões até o final do ano.
 
Contudo, entrou na quarta-feira dia 26 uma decisão liminar provisória da 20ª Vara Federal do Distrito Federal que suspende o aumento do imposto sobre os combustíveis anunciado na semana passada. Ela passará a valer em todo o pais assim que o governo for notificado. Na decisão liminar, o juiz Renato Borelli aponta que ainda que aprovada em lei o aumento nos encargos só poderá passar a vigorar após 90 dias, e não de imediato, como determinado pelo decreto do governo federal.
 
Enquanto isso os carros elétricos seguem em processo de introdução no país e contribuir diretamente para um planeta mais sustentável é um dever de todos. O propósito da Hitech Electric é este, melhorar nossa qualidade de vida ajudando o meio ambiente, zerando a emissão de CO² através de medidas simples, necessárias e inteligentes.
 
Junte-se a nós!
COMENTÁRIOS