Ter um carro elétrico é mais econômico do que carro comum?

 

A greve dos transportadores ocorrida em maio de 2018 desabasteceu os postos de combustíveis de todo país e deixou muitos motoristas na mão. Sem ter como abastecer seus carros com gasolina ou álcool, alguns abandonaram seus carros sem combustível pelas ruas das cidades. Situações como essas, faz os motoristas refletirem o quanto são  dependentes da disponibilidade do combustível, mas também, como são permanentemente reféns do preço do combustível repassados ao consumidor.

Portanto, a ideia de conseguir abastecer o seu veículo em qualquer tomada 110V ou 220V através de um cabo portátil disponível dentro do carro, é sinônimo não apenas de liberdade  do motorista, mas principalmente de custo mais baixos e muita economia. Isso sem falar que, um carro elétrico, é possível ser abastecido integralmente com energia solar, inclusive.

No entanto, a redução mais drástica no custo operacional de um veículo é ainda melhor percebida, quando ampliamos a visão não apenas a questão do combustível, mas também ao se colocar na conta, todos os demais  custos atribuídos à sua manutenção. Vale lembrar que o carro elétrico não tem óleo, filtro de óleo, filtro de ar, filtro de combustível, bomba de combustível, velas, cabos de velas, fluído do radiador, correia dentada, etc.

Quer tirar a prova? Faça aqui o seu teste e calcule qual seria a sua economia e surpreenda-se com os resultados.

Posts relacionados

7 de agosto de 2019

Parceria 99